0

Cheio de reclamações...



Um homem procurou seu pastor para aconselhamento. Em suas mãos segurava páginas cheias de queixas contra a sua esposa. Depois de horas ouvindo o homem, ininterruptamente, o pastor não aguentou e perguntou:
"Se ela é tão má, por que você casou com ela?"
Imediatamente o homem retrucou:
"No início, ela não era assim!"
O pastor, incapaz de reter os seus pensamentos, perguntou:
"Então, você está dizendo que ela é assim porque está casada com você?"
No que VOCÊ está transformando a pessoa que está ao seu lado?

Autor desconhecido

Links para esta postagem |
0

O SEGREDO DO CASAMENTO

Posted by Aline Zamboti on 10:58 in , , ,
Qual será o segredo dos casamentos duradouros?
Casais que convivem há anos falam de paciência, de renúncia, de  compreensão.
Na verdade, cada um tem sua fórmula especial.
Mas, existem dois principais ingredientes para manter um casamento duradouro, AMOR e RESPEITO.

No casamento, as pequenas coisas são as grandes coisas.
É jamais ser muito velho para se dar as mãos e caminhar juntos.
É lembrar-se de dizer "TE AMO", pelo menos uma vez ao dia.

É nunca ir dormir zangado um com o outro.

É ter valores e objetivos comuns.

É estarem unidos ao enfrentar o mundo.

É formar um círculo de AMOR que una toda a família.

É proferir elogios e ter capacidade para perdoar e esquecer.

É proporcionar uma atmosfera onde cada um possa crescer na busca recíproca do bem e do belo.

É não só casar-se com a pessoa certa, mas ser o companheiro perfeito.

E para ser o companheiro perfeito é preciso ser leal, ter bom humor e otimismo.

Ser natural e saber agir com tato.

É saber escutar o outro com atenção, sem interromper a cada instante.

É sentir e mostrar admiração e confiança, interessando-se pelos problemas e atividades do outro.

Perguntar o que o atormenta, o que o deixa feliz, por que está aborrecido.

É ser discreto, sabendo o momento de deixar o companheiro a sós para que coloque em ordem seus pensamentos.

É distribuir carinho e compreensão, combinando amor e poesia, sem esquecer galanteios e cortesia.

É ter sabedoria para repetir os momentos do namoro.

Aqueles momentos mágicos em que todas as orquestras do mundo parecia tocar somente para os dois.

É ser o apoio diante dos demais.

É ter cuidado no linguajar, é ser firme, ser leal.

É ter atenção além do comum e conseguir enxergar quando o outro  se esmera na apresentação para você.

Um novo corte de cabelo, uma roupa diferente, detalhes pequenos,  mas muito importantes.

É saber dar atenção para a família do outro, pois ao se unirem, as duas famílias se unem também.

É cultivar o desejo constante de superação.

É responder dignamente e de forma justa por todos os seus atos.

É ser grato por tudo o que um significa na vida do outro.

O AMOR real, por manter as suas raízes no equilíbrio, vai se firmando dia a dia, através da convivência estreita.

O AMOR, nascido de uma vivência progressiva e madura, não tende a acabar, mas sim a ampliar-se.

O equilíbrio do AMOR promove a prática da justiça e da bondade,
da cooperação e do senso de dever, da afetividade e advertência amadurecida.

O AMOR de um homem por uma mulher é muito mais profundo e verdadeiro quando se tem Deus na vida do casal.

Hoje eu sei, o quanto é bom saber que existe alguém para amar e sentir o carinho com expressão desse amor, principalmente se esse amor é verdadeiro e alicerçado em uma promessa de fidelidade e respeito por parte dos dois que se amam e querem fazer desse amor um exemplo de relacionamento.

Apesar de todas as dificuldades que enfrentamos na vida, o amor que sentimos um pelo o outro e a confiança que temos nesse Deus que nos uniu, será sempre muito maior que qualquer coisa que possa surgir para tentar tirar a certeza que temos em nossos corações.

By Carlos Alberto Agostinho

Links para esta postagem |
0

Relacionamentos

Posted by Aline Zamboti on 16:26 in , , , ,


Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida.

Detesto quando escuto aquela conversa:
- Ah, terminei o namoro...
- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...
- Cinco anos.... que pena... acabou...
- é... não deu certo...

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.

Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos essa coisa completa.

Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.
Tudo junto, não vamos encontrar.

Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.
Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.

E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.

Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer.

Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não.

Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto.

Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. Nada de drama.
Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?

O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós.

Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.

Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?

Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.

E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.

Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.

Na vida e no amor, não temos garantias.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear.
E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar...

Enfim...quem disse que ser adulto é fácil ????

By Arnaldo Jabor

Links para esta postagem |
0

Reflexo

Posted by Aline Zamboti on 12:15 in ,
"Pois amor é feito espelho
Tem que ter reflexo."
Pablo Neruda

Links para esta postagem |
0

Perdoa

Posted by Aline Zamboti on 09:37 in ,
Se eu deixei de ver sentido
No que a gente tem vivido... perdoa
Sei que tenho te exigido
Ser melhor do que tem sido... perdoa
Se eu deixei de ver beleza
No que é teu de natureza... perdoa
Essa falta de clareza
É uma forma de defesa... perdoa
Eu não quero guerra, jogo, azar e mágoa
Mas a gente é terra, fogo, ar e água
Quando tem um lado meu que te alimenta
Outro quer te anular
Você diz acreditar nesse romance
Que a felicidade está ao nosso alcance
Se quiser que nada tenha sido à toa... perdoa.

Pedro Mariano

Links para esta postagem |
0

Coisas da vida

Posted by Aline Zamboti on 19:05 in , ,


"Aquele abraço era o lado bom da vida, mas para valorizá-lo eu precisava viver. E que irônico: pra viver eu precisava perdê-lo..."
Tati Bernardi

Links para esta postagem |
0

Intensamente

Posted by Aline Zamboti on 12:20 in ,


Viver intensamente é querer escrever um livro na primeira aula de inglês, é querer dar um giro triplo seguido de um cachecol e uma panqueca depois do curso de férias do Clube Latino. É querer conquistar um pedaço do céu para chamar uns amigos para a festa. É ser tudo e ser nada ao mesmo tempo.

É querer casar antes do pedido de namoro, é dormir apenas quando o corpo não aguentar mais, ser o último a sair da balada, e comer o último pedaço do bolo.

Viver intensamente é ser médico, advogado, veterinário, bailarina, baixista, jogador de basquete e psicólogo nas horas vagas. É ser atleta de manhã, cozinheira de tarde e professora de noite.

Viver intensamente é levar o mundo inteiro no bolso e fazê-lo viajar contigo. É amar demais e perdoar mais ainda. É se doar muito e ganhar pouco. Viver intensamente é fazer de um segundo a vida inteira, mas quando passa, passa como se nada tivesse acontecido, para começar algo novo, de novo.

By Aline Zamboti

Links para esta postagem |

Compartilhe

Copyright © 2009 Depois do Dois All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive. Distribuído por Templates