0

Aquela Paz

Posted by Aline Zamboti on 14:44 in , , , ,
A vida é feita de atitudes nem sempre decentes
Não lhe julgam pela razão, mas pelos seus antecedentes
É quando eu volto a me lembrar
Do que eu pensava nem ter feito
Vem, me traz aquela paz
Você procura a perfeição e eu tenho andado sob efeito, mas
Posso te dizer que eu já não aguento mais
Desencana, não vou mudar por sua causa não tem jeito, mas
Quem é que decide o que é melhor pra minha vida agora?
Ouvi dizer que só era triste quem queria
Ouvi dizer que só era triste quem queria
Ouvi dizer que só era triste quem queria
Ouvi dizer que só era triste quem queria
Lidei com coisas que eu jamais entenderei
Ah! Se eu pudesse estar em paz
Me livrar do pesadelo de vê-lo nesse estado
E não poder ajudá-lo, não
Mas triste é não poder mudar
Por que está tão revoltado, irmão?
Ouvi dizer que só era triste quem queria
Ouvi dizer que só era triste quem queria
Ouvi dizer que só era triste quem queria
Ouvi dizer que só era triste quem queria
A vida é feita de atitudes nem sempre decentes
Não lhe julgam pela razão, mas pelos seus antecedentes
Cuidado com seus passos
Charlie Brown Jr.

Links para esta postagem |
0

Dias de Luta, Dias de Glória

Canto minha vida com orgulho
Na minha vida nem tudo acontece
Mas quanto mais a gente rala, mais a gente cresce
Hoje estou feliz porque eu sonhei com você
E amanhã posso chorar por não poder te ver mais
O seu sorriso vale mais que um diamante
Se você vier comigo, aí nóis vamo adiante
Com a cabeça erguida e mantendo a fé em Deus
O seu dia mais feliz vai ser o mesmo que o meu
A vida me ensinou a nunca desistir
Nem ganhar, nem perder, mas procurar evoluir
Podem me tirar tudo que tenho
Só não podem me tirar as coisas boas
Que eu já fiz pra quem eu amo
E eu sou feliz e canto
O universo é uma canção
E eu vou que vou
História, nossas histórias
Dias de luta, dias de glória
Histórias, nossas histórias
Dias de luta, dias de glória
Oh, minha gata, morada dos meus sonhos
Todo dia, se eu pudesse, eu ia estar com você
Eu já te via muito antes nos meus sonhos
Eu procurei a vida inteira por alguém como você
Por isso eu canto minha vida com orgulho
Com melodia, alegria e barulho
Eu sou feliz e rodo pelo mundo
Sou correria, mas também sou vagabundo
Mas hoje dou valor de verdade
Pra minha saúde e pra minha liberdade
Que bom te encontrar nessa cidade
Esse brilho intenso me lembra você
História, nossas histórias
Dias de luta, dias de glória
Histórias, nossas histórias
Dias de luta, dias de glória
Hoje estou feliz
Acordei com o pé direito
E eu vou fazer de novo
E vou fazer muito bem feito
Charlie Brown Jr.

Links para esta postagem |
0

Um Dia a Gente Se Encontra

Um dia na praia a gente jurou
Ficar junto pra sempre
Depois tudo mudou
Eram portas abertas que depois se fecharam
O tempo passou e as coisas mudaram
Separaram a gente
As circunstâncias e as coisas
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Ruas desertas, conflitos internos
Vivendo um sonho que não é só meu
Saudade de casa
Que grande ironia
Meu tempo agora não é mais só meu
E você não entende
A ação do tempo e as coisas
As circunstâncias e as coisas
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
A liberdade é essencial pra mim
Felicidade é essencial pra mim
Se quem eu amo tem amor por mim
Eu sei que ainda estamos longe do fim
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Então vamos viver
E um dia a gente se encontra
Charlie Brown Jr.

Links para esta postagem |
0

Coisas que eu sei

Posted by Aline Zamboti on 14:35 in , , ,
Eu quero ficar perto
De tudo que acho certo
Até o dia em que eu
Mudar de opinião
A minha experiência
Meu pacto com a ciência
Meu conhecimento
É minha distração...
Coisas que eu sei
Eu adivinho
Sem ninguém ter me contado
Coisas que eu sei
O meu rádio relógio
Mostra o tempo errado
Aperte o Play...
Eu gosto do meu quarto
Do meu desarrumado
Ninguém sabe mexer
Na minha confusão
É o meu ponto de vista
Não aceito turistas
Meu mundo tá fechado
Pra visitação...
Coisas que eu sei
O medo mora perto
Das idéias loucas
Coisas que eu sei
Se eu for eu vou assim
Não vou trocar de roupa
É minha lei...
Eu corto os meus dobrados
Acerto os meus pecados
Ninguém pergunta mais
Depois que eu já paguei
Eu vejo o filme em pausas
Eu imagino casas
Depois eu já nem lembro
Do que eu desenhei...
Coisas que eu sei
Não guardo mais agendas
No meu celular
Coisas que eu sei
Eu compro aparelhos
Que eu não sei usar
Eu já comprei...
As vezes dá preguiça
Na areia movediça
Quanto mais eu mexo
Mais afundo em mim
Eu moro num cenário
Do lado imaginário
Eu entro e saio sempre
Quando estou a fim...
Coisas que eu sei
As noites ficam claras
No raiar do dia
Coisas que eu sei
São coisas que antes
Eu somente não sabia...
Coisas que eu sei
As noites ficam claras
No raiar do dia
Coisas que eu sei
São coisas que antes
Eu somente não sabia...

Agora eu sei...
Jorge Vercílio

Links para esta postagem |
0

Melhor Lugar

Se fosse por mim
Eu ficava
Mas vê como tudo lá fora mudou
O tempo passou
Feito um louco
Quebrando as vidraças
E a gente ficou
Aqui, sem ter nem pra onde ir,
Por medo ou preguiça
Aqui, ilhados por nós
Sequer rastreados por nenhum radar
Aqui parecia ser o melhor lugar
Quem disse que a gente precisa
Perder um ao outro pra se encontrar
Se nada nos prende ao passado
Não é o futuro que vai separar
Enfim
Encosta teu barco em mim
Que o sol já se pôs
A sós
O mundo termina
Na fina fronteira dos nossos lençóis
Em nós
Espalham-se os laços
Desfazem-se os nós

Sonhamos paisagens, compramos passagem
E nunca voamos pra lá
Enfim
Passeia tua boca em mim
Até me calar
Aqui ainda parece o melhor lugar
Jorge Vercílio

Links para esta postagem |
0

Para você dar o nome

Deixa pra Lá,
Que de nada adianta,
Esse papo de agora não dá,
Que eu te quero é agora e não posso e nem vou te esperar,
Que esse papo de um tempo nunca funcionou,
Pra nós dois.
Sempre que der,
Mande um sinal de vida de onde estiver,
Dessa vez,
Qualquer coisa que faça eu pensar,
Que você esta bem,
Ou deitada nos braços de um outro qualquer,
Que é melhor,
Do que sofrer,
De saudade de mim como eu tô de você,
Pode crer!
Que essa dor eu não quero pra ninguém no mundo,
Imagina só,
Pra você...

Quero te ver,
Dando volta no mundo indo atrás de você,
Sabe o quê?
Rezando pra um dia pra você se encontrar e perceber,
Que o que falta em você,
Sou eu...
Pedro Mariano

Links para esta postagem |
0

Espero que um dia

Espero que um dia você volte atrás
Do que já decidiu
Quando foi embora meu castelo se destruiu (se destruiu)
Quase vacilei, mas não pisei na bola
Tentarei seguir a vida lá fora
Entendo, mas tudo vai ser mais difícil
Sem o teu coração
Não vou cultivar tristeza
Ficar sofrendo é besteira
Ando por toda a cidade
Sem ter medo da verdade
Não penso estar perdido agora
Tudo tem a sua hora
Estou de bem com o meu viver
Tenha calma, limpo a alma pra não padecer
Posso encontrar alguém
Muitos caminhos existem
E a chama de um amor que foi eterno
Pode terminar
Mas se eu tivesse o mar e você do meu lado agora
Seus olhos iam me seguir
Sua presença fortificar
Espero que um dia você volte atrás
Do que já decidiu
Quando foi embora meu castelo se destruiu (se destruiu)
Quase vacilei, mas não pisei na bola
Tentarei seguir a vida lá fora
Entendo, mas tudo vai ser mais difícil
Sem o teu coração
Não vou cultivar tristeza
Ficar sofrendo é besteira
Ando por toda a cidade
Sem ter medo da verdade
Não penso estar perdido agora
Tudo tem a sua hora
Da solidão já tive medo
Tenha calma, limpo a alma e aprendo a viver

Posso encontrar alguém
Muitos caminhos existem
E a chama de um amor que foi eterno
Pode terminar
Mas se eu tivesse o mar e você do meu lado agora
Seus olhos iam me seguir
Sua presença fortificar
Natiruts

Links para esta postagem |
0

A Medida da Paixão

Posted by Aline Zamboti on 14:28 in , , , , , , ,
É como se a gente não soubesse 
Pra que lado foi a vida 
Por que tanta solidão 
E não é a dor que me entristece 
É não ter uma saída 
Nem medida na paixão
Foi, o amor se foi perdido 
Foi tão distraído 
Que nem me avisou 
Foi, o amor se foi calado 
Tão desesperado 
Que me machucou
É como se a gente pressentisse 
Tudo que o amor não disse 
Diz agora essa aflição 
E ficou o cheiro pelo ar 
Ficou o medo de ficar 
Vazio demais meu coração

Foi, o amor se foi perdido 
Foi tão distraído 
Que nem me avisou 
Foi, o amor se foi calado 
Tão desesperado 
Que me maltratou
Pedro Mariano

Links para esta postagem |
0

Isabella achava que sabia



Isabella sempre foi de se arriscar. De se arriscar onde sabia estar colocando os pés. Por mais aventureira que fossem suas escolhas, ela sabia qual caminho estaria percorrendo mesmo dependendo do acaso. Pelo menos foi isso que ela sempre achou.

Em um sorriso que a envolveu de uma forma mística, ela construiu sonhos e planos para uma vida inteira. Mas em um piscar de olhos seu mundo caiu. A sensação era de a terem esquecido entre os escombros e a poeira caindo do céu. Ela se sentia perdida, desamparada, frustrada... Tudo que ela achou já saber, a surpreendeu. Ela sentiu o trago amargo da solidão.

A independência de Isabella sempre foi seu forte. Nunca precisou de incentivo ou de companhia para seguir seu caminho. Mas aquele sorriso tinha se tornado seu apoio, parte de sua história.

E foi quando ela se olhou no espelho viu e seu reflexo, entendeu que sempre foi apenas ela. Por mais que as lembranças e a esperança batessem em seu peito, ela deveria seguir em frente. Pois Isabella sabia que o sonho apenas tornaria realidade se fosse sonhado a dois, e dessa vez ela deveria seguir sonhando sozinha.

By Aline Zamboti


Links para esta postagem |
0

Essa sou eu

Posted by Aline Zamboti on 17:57 in , , , , ,
"Sou teimosa, ciumenta, confusa, estressada e grossa. E ainda assim, consigo ser a pessoa mais sensível do mundo."

Links para esta postagem |

Compartilhe

Copyright © 2009 Depois do Dois All rights reserved. Theme by Laptop Geek. | Bloggerized by FalconHive. Distribuído por Templates